Portal da Torcida
Tudo Sobre Futebol e Seu Time

A declaração do técnico do Botafogo após a vitória contra o Flamengo que deixou todos de boca aberta

Arthur Jorge fala após vitória do Botafogo - Foto: Vítor Silva/BFR
Arthur Jorge fala após vitória do Botafogo – Foto: Vítor Silva/BFR

No último domingo (28), o Flamengo recebeu o Botafogo em um super clássico no Estádio Maracanã. O Fogão conseguiu aproveitar as oportunidades e fez dois gols no segundo tempo, fechando o confronto exatamente em 2 a 0.

Após o duelo, o treinador Arthur Jorge concedeu a tradicional entrevista coletiva e falou sobre diversos pontos da partida.

A vitória para mim é importante seja contra quem for. É um jogo a mais vencido. Para mim não tem mais do que isso. Entendo que para a torcida pode ser maior por conta da rivalidade, mas vencemos apenas mais um jogo. Temos muito a fazer em relação à evolução da equipe. Mas também daquilo que é o campeonato em que teremos outros jogos tão difíceis quanto esse”, comemorou o treinador do Botafogo.

Arthur Jorge fala sobre buscar equilíbrio no Botafogo e critica horário do clássico

Apesar de ser recém-chegado ao Botafogo, o treinador Arthur Jorge já mostra a sua cara na equipe, mudando a postura em campo e conquistando vitória. Segundo ele, ainda é necessário buscar equilíbrio.

“É trabalho, é empenho dos atletas. Nós tivemos um primeiro tempo que foi mais equilibrado, mas não demos chances ao adversário. Eles tiveram mais a bola, mas sem grande trabalho para nosso goleiro. Buscamos equilíbrio de empenho e desempenho. Se tivermos de resultado, melhor ainda. É o que nos leva ao sucesso“, disse o comandante.

Em seguida, Arthur Jorge ainda criticou o horário do clássico, disputado às 11h, horário de Brasília.

“Com 23 anos, se você correr aqui por 90 minutos ficaria tão cansado quanto Damián. Não é uma questão de idade, é uma questão daquilo que é jogarmos às 11h nessas condições. Por isso, digo que para o espetáculo seria melhor jogar em outro horário“, disse Arthur Jorge.

Questionado sobre o horário para competições na Europa, o treinador do Botafogo ressaltou que não existe comparação.

Em relação à adaptação europeia, não acontece porque não jogamos à essa hora por lá. O que vi no vestiário foi uma equipe exausta fisicamente, porque demos tudo. O que compensa é a vitória. Temos alguns jogadores que estão de fora. Nesse momento, temos que tentar resguardar os atletas que temos. O Júnior está muito bem, cansado, mas bem”, finalizou o treinador.

O Botafogo de Artur Jorge volta a campo na próxima quinta-feira (02), quando recebe o Vitória às 19h, no Estádio Nilton Santos. O duelo será válido pela ida da 3ª fase da Copa do Brasil.