Portal da Torcida
Tudo Sobre Futebol e Seu Time

Soltou no ventilador, não mandou indireta e foi papo reto: Eric Faria manda a real sobre desabafo de Pedro e POLÊMICA chega com tudo no Flamengo

Eric Faria revela qual melhor zagueiro do Brasil
Eric Faria falou sobre situação do Flamengo – Foto: Reprodução/Globo

O jogo entre Flamengo e Boavista deu o que falar. Apesar do Rubro-Negro vencer o duelo por 4 a 0, Pedro saiu vaiado, mesmo anotando um dos gols, mas desperdiçando um pênalti. Gabigol, que entrou no seu lugar, foi bastante aplaudido.

Essa situação gerou muitos debates no mundo esportivo e, em entrevista ao Charla Podcast, o jornalista Eric Faria, ex-repórter e agora comentarista do Grupo Globo, também emitiu a sua opinião.

A melhor fotografia é o Pedro rindo depois do jogo. Aquela coisa não bateu no Pedro como uma vaia, protesto, tanto que o Pedro vai jogar o Fla-Flu no domingo. Pode ser que faça gol, pode ser que não faça, acho que a vida seguiu. Não é um problema agora para o Flamengo se preocupar”, afirmou Eric Faria.

Eric Faria falou sobre disputas no elenco do Flamengo

O jornalista ainda ressaltou que o Flamengo é um time recheado de bons jogadores, consequentemente, com disputas. Nessa linha, citou diversos embates que acontecem dentro do elenco Rubro-Negro.

“Tem dois na ponta esquerda também. Tem o Cebolinha e o Bruno Henrique. Provavelmente vai ter De La Cruz e Gerson e só deve jogar um. O David Luiz hoje está no banco de reservas. Você já imaginou algum dia que o David Luiz seria banco de um time brasileiro? O Viña e o Ayrton Lucas, um dos dois será banco”, comentou.

Eric Faria ainda ressaltou que esse é um trabalho para Tite, já que é ele quem escala. Porém, ressaltou que o jogador que não começar entre os titulares não pode ter vaidade.

“Pra isso tem o Tite ali. Ele fala de igual para igual com os atletas. Ele diz que o treino escala. O jogador pode ser tudo, vaidoso, reclamão, rabugento, mas não é burro. Ele está vendo no treino se ele está ou não melhor que o companheiro. Óbvio que há as vaidades, mas o jogador não é burro. Quando ele percebe que há verdade ali é mais fácil para o treinador tocar um elenco luxuoso. E o treinador tem que ter personalidade e isso o Tite tem”, finalizou Eric Faria.

Pedro se manifestou

Logo após o ocorrido, Pedro se manifestou. Ele ressaltou que a pressão é normal e não irá se abalar. Inclusive, também disse que se dá muito bem com Gabigol.

A pressão no Flamengo sempre existiu. Não só no Flamengo. Eu sempre tive pressão na minha carreira. Não me abala, me dá mais força para querer dar o meu melhor a cada jogo. Em relação ao Gabi, a gente sempre se deu muito bem. Conquistamos grandes coisas juntos. Criaram essa ‘rivalidade’, mas a gente sempre se deu muito bem dentro e fora de campo”, disse Pedro.