Portal da Torcida
Tudo Sobre Futebol e Seu Time

PÉSSIMA NOTÍCIA HOJE (19/08): Conmebol bate o martelo e anuncia triste notícia para Gabigol

Gabigol. Foto: Jorge Rodrigues/AGIF

Gabriel Barbosa é, sem dúvida alguma, o grande ídolo recente do Flamengo. Inteligente, marrento, decisivo, provocador, estes são alguns dos adjetivos que podem ser utilizados para descrever Gabigol. Mas uma coisa é indiscutível: ninguém personifica tão bem quanto ele estes últimos anos de glórias do Mais Querido, nos quais ele esteve presente de forma marcante, inclusive fazendo gols em finais de Libertadores.

Contudo, ao contrário do que se tem observado nas últimas temporadas, 2023 tem sido um ano atípico para o torcedor flamenguista: houve uma coleção de vexames, os quais englobam derrotas no Mundial de Clubes, na Supercopa do Brasil, na Recopa Sul-Americana, Libertadores, na Taça Guanabara e Campeonato Carioca.

A saber, destaca-se este último ainda mais: o gigante carioca foi goleado pelo rival Fluminense no jogo de volta, perdendo o título estadual após ter vencido a primeira partida por 2 a 0.

Ainda mais deprimente foi a última eliminação sofrida pelo Mengão: a da Libertadores. O Olimpia, de orçamento incomparavelmente inferior, classificou-se para as quartas de final do torneio continental após vencer o time carioca por 3 a 1 (de virada).

Mesmo tendo vencido o primeiro jogo por 1 a 0 e aberto o placar no duelo da volta, o time da Gávea apresentou um futebol muito abaixo do que se viu em outros momentos, sendo uma equipe apática e facilmente dominada pelo clube paraguaio.

Gabigol fala demais e agora terá de lidar com as consequências

Um fato a ser destacado depois desse vexame contra o Olimpia é o que Gabigol falou acerca da arbitragem. Segundo ele:

“É ruim falar porque, quando perde, parece que você está chorando. Mas o juiz inverteu faltas, expulsou nosso treinador, a Conmebol é aqui do lado. São muitas coisas que acontecem na Libertadores e vocês sabem, porque estão aqui fora do campo. Faltas investidas, falta no Wesley no 3° gol. Falar sobre isso parece que é choro. Acho que foram muitos erros nossos, mas creio eu que foi um roubo muito grande.”

Seus comentários foram muito mal recebidos pela Conmebol, que comanda o futebol sul-americano. E, nesse sentido, a entidade começou a investigar o craque do Flamengo, denunciando-o com base no artigo 19 do Código Disciplinar, o qual se refere à manipulação de partidas e/ou competições, porém sem detalhar possíveis punições.

Diante da insatisfação da Conmebol e das falas de Gabigol, é bem possível que a denúncia avance e, em um futuro próximo, o atleta seja advertido pela entidade sul-americana.